loader image
22 jul, 2019

Como sentir mais leveza?

Acredito que de uma forma global tomos necessitemos de mais leveza. Apesar da complexidade ser muitas vezes sobrevalorizada e aplaudida é na simplicidade que frequentemente encontramos um estado de maior leveza, que nos permite fluir de outra forma no inesperado e impermanente.
Temos que nos permitir pousar um pouco a mochila das preocupações, ruminações sobre o passado e expectativas sobre o futuro. Claro que nem sempre é simples, mas algumas opções e atitudes podem ajudar a sentirmo-nos mais leves.

Descomplicar tarefas e escolhas. Por vezes no quotidiano fazemos escolhas e optamos por desenvolver determinadas tarefas de forma mais complexa o que naturalmente implica maior desgaste e cansaço. Como podes simplificar e e escolher vias que não requerem uma logística tão complicada?

Estabelecer prioridades permite identificar o que é essencial e que justifica o nosso investimento de energia, o que nos leva ao próximo ponto.

– Ter menos, evitar acumular objectos e afazeres que nos deixem assoberbados e que na verdade não têm um impacto significativo no nosso bem-estar e realização. Já aqui abordei o tema do Minimalismo e na verdade cada vez faz-me sentido criar espaço e tempo para estarmos realmente disponíveis para o que mais importa.

Aceitar que a impermanência e a mudança fazem parte e que por muito que tentemos controlar, apenas podemos desenvolver o nosso autocontrolo e resiliência.

– Cultivar o sentido de humor e desdramatizar, é importante nos levar colocar as situações em perpectiva e rir das situções. Muitas vezes o que parece um problema complexo simplesmente o é porque o imaginamos e transformamos dessa forma. O medo pode levar à criação dos mais horroríficos cenários, mas no final as soluções aparecem e nem tudo é assim tão irremediável. Então podemos perguntar-nos: até que ponto é que dado acontecimento tem tanta importância e justifica lamentação e angústia?

– Atentar à tendência de ser perfeccionista. Tudo se encontra em contínua construção, sem conclusão definitiva. A perfeição não existe e a busca deste estado deixa-nos pesados, tensos e cansados.

Gratidão VS Lamentação, quando sentimos que a frustração se quer instalar e identificamos tantos aspectos que gostaríamos que fossem diferentes é na gratidão que podemos encontrar a oportunidade de modificar a perspectiva. Precisamos de nos agarrar ao que temos e construir algo melhor a partir daí.

Lê a publicação “A Importância da Gratidão

– Procurar e desenvolver actividades simples  que nos proporcionem bem estar como passar tempo na Natureza ao fim do dia, ver um filme, ouvir um disco preferido, saborear uma sobremesa, apreciar o silêncio, entre tantos outros momentos simples e belos.

– Para terminar e não menos importante: nutrir a esperança, sempre. É necessário acreditar que é sempre possível sentir e observar uma mudança para melhor.

Quais são as tuas estratégias para encontrar um estado de maior leveza?

Photo by Jakob Owens on Unsplash

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

10 Ideias para viver melhor esta Quarentena

10 Ideias para viver melhor esta Quarentena

Perante o momento que vivemos senti a necessidade de olhar para um artigo já escrito e publicado há bastante tempo sobre relaxamento e reinventá-lo a propósito do que se passa. Transmito algumas estratégias que me têm ajudado e espero acrescentar algo de útil. Ouvir...

7 ideias para a aplicar Reiki no dia-a-dia

7 ideias para a aplicar Reiki no dia-a-dia

O Reiki pode fazer parte da nossa vida de variadas formas. Apesar de normalmente ser mais abordado como terapia complementar aplicada em humanos e animais, esta vertente e filosofia de vida permite-nos cuidar e actuar de uma forma muito mais abrangente. Para quem é...